Revelamos aqui as causas e efeitos da insegurança pública e jurídica no Brasil, propondo uma ampla mobilização na defesa da liberdade, democracia, federalismo, moralidade, probidade, civismo, cidadania e supremacia do interesse público, exigindo uma Constituição enxuta; Leis rigorosas; Segurança jurídica e judiciária; Justiça coativa; Reforma política, Zelo do erário; Execução penal digna; Poderes harmônicos e comprometidos; e Sistema de Justiça Criminal eficiente na preservação da Ordem Pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio.

sábado, 9 de abril de 2011

OPINIÃO - OS DESMANCHES E O FURTO DE CARROS

A regularização dos desmanches vai ajudar a combater o furto de carros? - DO LEITOR ZERO HORA - 09/04/2011

Vamos fazer valer a vida e proibir os desmanches, e regular os ferros-velhos para sua real função, ou seja, prensar carros e reciclar somente o material. Rosangela Sodre da Silva. Funcionária pública – Porto Alegre

Para inibir esse tipo de criminalidade, além da regulação dos desmanches, uma ação integrada das forças policiais, visando desbaratar esse tipo de comércio clandestino.. Danilo Guedes Romeu. Professor – Porto Alegre

O desmanche ilegal alimenta a indústria do crime. Com um sistema eficiente e legalizado, o roubo de veículos será reduzido, diminuindo-se a criminalidade e, consequentemente, os preços dos seguros praticados. Ricardo Reischak. Advogado – Porto Alegre

A regulação por si só não resolveria o grande volume de roubos a carros. O que deveria ser feito é uma fiscalização rigorosa e permanente em todos os sucatões de veículos. Além disso, uma pena que desestimulasse a venda de peças de carro roubadas. Odilon Sater de Melo. Aposentado – Porto Alegre

Nossos governantes sempre criam soluções paliativas e enganadoras para justificar sua incapacidade de lidar com os desafios. Mauro Ivan Cardoso Rafo. Funcionário público – Santa Cruz do Sul

A medida só será eficiente se a fiscalização for ostensiva e punitiva aos infratores. Hoje, a Brigada Militar e a Polícia Civil fecham um desmanche e no outro dia ele já está funcionando. Vicente Paulo Zucatti. Aposentado – Porto Alegre

Os desmanches são os grandes receptadores de veículos roubados e incentivadores ao crime. Está mais do que na hora de uma intervenção rigorosa nesses antros. Silvio Jaime Fernandes. Industriário – São Paulo

Só tornando-se ilícito o desmanche e remetendo-se os carros velhos e batidos para a prensa é que diminuirá o furto e o roubo de veí-culos no país. Claudio Palma Dias. Advogado – Cáceres (MT)

O certo é fiscalizar, regular ao máximo os desmanches, ao ponto de se exigir a origem de cada peça. Isto dificulta a recepção. Wanderlen Castanheira. Marítimo – Tramandaí

O que ajuda a combater o furto de carros é uma segurança mais eficiente e uma pena mais rígida para quem pratica esse delito. Alda Pegoraro Roeder. Dona de casa – Nova Prata

Ferro-velho sempre vai existir. Mesmo que tentem controlar e façam um certificado, alguém poderá ser subornado.Rubens Ciro Calliari. Aposentado – Pato Branco (PR)

Na minha opinião, essa lei da regulação dos desmanches de carros não irá adiantar em nada, pois quem furta carros não está nem aí para a lei. Betina Seefeldt. Estudante – Novo Hamburgo

Sim. Doravante o desmanche regular terá que ter a nota fiscal do fornecedor, portanto, com austera fiscalização, ajudará muito. Claudiomar Freitas Vieira. Aposentado – Porto Alegre

2 comentários:

Geane Menezes disse...

E muito lucrativo paras seguradoras o roubo de veiculos.Elas crescem bastante as custas da ineficiencia do estado.Se todas as peças tivessem um codigo de barra metalico,mostrando a procedencia a festa acabava.Mas as seguradoras vivem da desgraça.
E assim com planos de saude,empresas de segurança,seguradoras.Que tem por tras politicos que ocupam um lugar no governo.E o sistema...

Jorge Azevedo disse...

O interessante disto tudo é que apesar da moralização dos desmanches que a o DETRAN/RS tem tentado fazer, apesar do esforço, em busca por uma relação oficial, nada encontrei de informações no site do mesmo. Onde será possível buscar uma informação crédula ou uma lista de desmanches legalizados em Porto Alegre? Caso exista esta relação, esta não deveria ser colocada no site do DETRAN/RS para formalizar a legalidade e canalização dos interessados, assim como eu, de ter a certeza de estar entrando e adquirindo peças usadas com origem?